Previous slide
Next slide

Restaurante “Prato Fácil” proporciona almoço digno à população em situação de vulnerabilidade social

Na jornada por uma vida melhor, Cássia Francisca dos Santos, 34 anos, moradora de um condomínio habitacional popular em Porto Velho, mãe de três filhos e desempregada há um ano, encontrou no Governo de Rondônia apoio para superar dificuldades financeiras ao se tornar uma das frequentadoras do Restaurante Prato Fácil, na Zona Leste, em Porto Velho.

Inaugurado em dezembro de 2023, o restaurante proporciona para a família da Cássia e para todos aqueles em situação de vulnerabilidade social, um almoço digno e saudável ao custo de apenas R$ 2. No local, são ofertadas 1,5 mil refeições por dia, com cardápio diferenciado. Um dos preferidos de Cássia é a feijoada, mas também fazem parte do cardápio filé de dourado, galinha cremosa e carne bovina, entre outros; avaliados e aprovados por nutricionista.

Nos dias em que a refeição principal é carne de porco, o restaurante oferece outra opção para aqueles que, por questões de saúde ou por crença, não se alimentam de suínos. Os pratos também são compostos de salada e acompanhados de uma fruta por beneficiário, especialmente banana e laranja. ‘‘É uma comida leve e com nutrientes muito bem distribuídos, uma porção de cada coisa. Todos os dias tem uma salada diferente e sempre há uma fruta, já tivemos até pitaya, que não é tão barata para a gente comprar. Todos os dias a comida está gostosa’’, destacou Cássia.

O governador de Rondônia, Marcos Rocha ressalta que, o Restaurante Prato Fácil é o único que funciona em prédio próprio, pertencente ao Governo do Estado. “Antes, o local funcionava como Restaurante Popular da zona Leste, após a conclusão da reforma e ampliação do prédio, foi transformado em Restaurante Prato Fácil para servir refeições destinadas à população em vulnerabilidade social, na Capital”, salientou.

ATENDIMENTO

Além de fazer a refeição no local, na Rua Teotônio Vilela, nº 8.196, no Bairro Juscelino Kubitschek (JK), a população tem a opção de levar a marmita para casa, e essa é a preferência da Cássia, que, junto aos filhos, retira o almoço no restaurante.

O sistema para venda de refeições no local começa às 7h, podendo ter pagamento no PIX ou em dinheiro. As refeições são retiradas ou servidas das 11h às 15h, em um fluxo rápido e seguro de atendimento, devido a implantação da biometria. No local, o cadastro para a biometria é das 9h às 12h.

Cássia comparece ao estabelecimento por volta das 11h e leva para casa quatro refeições, ao custo de R$ 8 no total. Se não fosse essa ajuda, ela contou que teria muito mais dificuldade com tantas despesas na família. ‘‘O Prato Fácil ajuda não só na alimentação. Com a economia que faço posso usar o dinheiro para outras despesas com os meus filhos. O que o Governo está fazendo por nós é algo muito bom para mim e para todos aqueles que carecem desse benefício”, afirmou.

HISTÓRICO

O Restaurante Prato Fácil faz parte do Programa Prato Fácil, desenvolvido no âmbito da Secretaria de Assistência Social (Seas), que credencia restaurantes privados para servirem as refeições ao custo de apenas R$ 2, sendo as demais despesas pagas pelo Governo de Rondônia.

Junto a ele, com a nova política de Assistência Social criada em 2020, outros 28 restaurantes também servem refeições ao custo de R$ 2, em Porto Velho.

Confira o endereço dos restaurantes neste link: https://rondonia.ro.gov.br/seas/programas-e-projetos/pratofacil/ .

Em todo o Estado, mais de 2 milhões de refeições foram servidas pelo Programa Prato Fácil em 2023, equivalente a 160 toneladas de alimentos. Atualmente há 38 restaurantes credenciados em seis municípios e estão previstos o cadastramento, para este ano, de restaurantes em mais duas cidades: Jaru e Rolim de Moura.

BIOMETRIA

Um marco inovador do Programa Prato Fácil é o cadastramento dos beneficiários no sistema biométrico, com o intuito de agilizar o atendimento nas filas e minimizar riscos de fraudes.

O plano piloto foi realizado no restaurante credenciado ao Programa estadual Prato Fácil em Vilhena, em junho, e está sendo executado em todos os restaurantes credenciados. A iniciativa é realizada pela Seas, idealizadora do Prato Fácil, em parceria com a Superintendência Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação (Setic).

ACESSO AO BENEFÍCIO

Para ter acesso ao benefício do Programa Prato Fácil é preciso:

  • Estar cadastrado no CadÚnico e possuir renda familiar mensal per capita (por pessoa) de até meio salário mínimo; ou
  • Estar cadastrado no CadÚnico e ser beneficiário do Benefício de Prestação Continuada (BPC); ou
  • Estar cadastrado no CadÚnico e ser aposentado com valor não superior a um salário mínimo; ou
  • Apresentar-se no local para retirar a refeição portando documento de identificação com foto, e pagar o valor de R$ 2, diretamente no restaurante.

CADASTRO ÚNICO

A família que se enquadra nas rendas acima e ainda não está inscrita no Cadastro Único, pode procurar um Centro de Referência em Assistência Social (Cras) no município e solicitar o cadastramento.

DÚVIDAS PODEM SER SANADAS PELOS CONTATOS:

Email: seas.pratofacil@gmail.com

Telefone de atendimento das 7h30 às 13h30: (69) 98448-1847.

Previous slide
Next slide

Notícias Relacionadas

  • All Post
  • Agronegócios
  • coluna
  • Cultura
  • Destaques
  • Esportes
  • Estilo de Vida
  • Geral
  • Notícias
  • Polícia
  • Política
  • Popular
  • Tecnologia
  • Tendências
  • Viagem

Comente sobre a notícia

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous slide
Next slide

Redes Sociais

Youtube

Facebook

Categorias

Tags

Edit Template

Assine a nossa newsletter

You have been successfully Subscribed! Ops! Something went wrong, please try again.

© 2023 Obotonews.com.br – O Boto News – Uma fonte confiável de jornalismo independente, a escolha certa para quem valoriza a credibilidade e a análise aprofundada dos acontecimentos.. desenvolvido pela CromaOn

Find Your Way!

Categories

Tags

Abrir bate-papo
Escanear o código
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?