Previous slide
Next slide

Espaço Alternativo recebe primeira edição do projeto “Arte no Entardecer” em 2024

Olhares atentos e sorrisos largos estavam presentes nos rostos de quem passou pelo Espaço Alternativo na noite de domingo (17). A Prefeitura de Porto Velho, por meio da Fundação Cultural, promoveu a primeira edição deste ano do projeto “Arte no Entardecer”.

Criado em 2022, o projeto reúne teatro, dança, roda de capoeira, arte circense e música, levados para a população de forma itinerante, em diversos espaços públicos da capital. A primeira edição deste ano reuniu apresentações do Teatro Ruante, dos palhaços Bozó e Lelé, e da Companhia de Dança Tsunami.

Quem esteve no Espaço Alternativo, foi surpreendido com uma programação diferente, como é o caso do vendedor Denis Prestes, que costuma levar toda semana as filhas Heloísa e Louise para brincarem no local. “Cara, a gente viu, as meninas se animaram, pediram pra ficar e ficamos. Muito legal, muito descontraído, inclusive, toda semana a gente vem aqui, e hoje foi diferente”, compartilhou.

A dona de casa Dinda Carvalho levou as netas Maria Helena e Antonella para participarem da brincadeira e também se divertiu. “Eu estava passando, ia fazer caminhada e vi o evento aqui e parei com as crianças. Eu trouxe elas, elas estão se divertindo, e a avó é empolgada e vai se divertindo junto”.

Segundo o presidente da Fundação Cultural de Porto Velho, Godofredo Neto, o projeto “Arte no Entardecer” será realizado a cada 15 dias, e as próximas edições estão previstas para acontecer nos residenciais Morar Melhor e Orgulho do Madeira, com programações que serão previamente comunicadas nos portais oficiais da Prefeitura e da Funcultural.

Os distritos de Porto Velho também estão sendo contemplados com eventos arte e cultura, através do projeto “Cultura Itinerante”, que também leva apresentações musicais e artísticas para comunidades distantes da capital. A próxima programação será realizada em Fortaleza do Abunã.

“Esses dois projetos são voltados para uma programação em família, então a gente traz a dança, a música, a capoeira, a arte circense, quadrilha, boi-bumbá, enfim, variedades de segmentos para toda a população. Através de uma reunião com os técnicos da Fundação, nós escolhemos levar essa programação aos locais de grande público, de grande movimentação, para proporcionar à população o acesso a bens culturais, lazer e entretenimento”.

Previous slide
Next slide

Notícias Relacionadas

  • All Post
  • Agronegócios
  • coluna
  • Cultura
  • Destaques
  • Esportes
  • Estilo de Vida
  • Geral
  • Notícias
  • Polícia
  • Política
  • Popular
  • Tecnologia
  • Tendências
  • Viagem

Comente sobre a notícia

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous slide
Next slide

Redes Sociais

Youtube

Facebook

Categorias

Tags

Edit Template

Assine a nossa newsletter

You have been successfully Subscribed! Ops! Something went wrong, please try again.

© 2023 Obotonews.com.br – O Boto News – Uma fonte confiável de jornalismo independente, a escolha certa para quem valoriza a credibilidade e a análise aprofundada dos acontecimentos.. desenvolvido pela CromaOn

Find Your Way!

Categories

Tags

Abrir bate-papo
Escanear o código
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?